quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Cadê o bebê que estava aqui?

Sábado fizemos a primeira aula de natação e fiquei maravilhada com a desenvoltura da minha pequena na piscina...

Ela pulava, desfilava na plataforma e fazia mais do que os coleguinhas que já estavam na 2a ou 3a aula.

Fiquei muito orgulhosa mas ao mesmo tempo pensei... cadê aquele bebê dependente da mamãe e não sabia falar, andar, nadar?

Já era!

E eu falo com ela... você não é mais um bebê... não usa fraldas, come a comida que todos comem, dorme em cama (e não mais no berço)... Só falta largar a bendita chupeta...

Mas morro de dó e fico pensando eu usei desse artifício até os 5 anos e sei como é difícil largar esse "vício".

Que Deus me ajude a encontrar uma estratégia válida!

Um comentário:

Elaine Correa disse...

Vê se não é difícil vê-los crescer e pensar que um dia não estarão debaixo das nossas asas!
Mas essa mocinha já virou peixinho tão rápido! Que gracinha! Bjo
Http://gêmeosnafamilia.blogspot.com.br/